Aspirina antes do rastreio do cancro do cólon não aumenta a precisão do teste

Tomar uma aspirina antes de realizar um teste comum projetado para detectar o sangue nas fezes, um sinal de câncer de cólon, não melhora a precisão do teste, de acordo com um estudo publicado em 7 de maio no JAMA Network

Alguns estudos observacionais descobriram que tomar uma aspirina antes do teste melhorava sua sensibilidade. Os autores do estudo especularam que esse poderia ser o caso, porque os efeitos de afinamento do sangue da aspirina tornavam mais provável que o sangue de anormalidades no cólon chegasse às fezes, onde poderia ser detectado.


Mas este teste, que incluiu 1.200 adultos, não encontrou a mesma ligação. Os pesquisadores dividiram os participantes em dois grupos: um que tomou aspirina antes do teste e outro que não tomou.

Embora tenha havido uma taxa de detecção ligeiramente maior no grupo de pessoas que tomaram aspirina antes do teste, a diferença não foi estatisticamente significativa.

Fonte: HHP

Postar um comentário

0 Comentários