Câncer de ovário, novo teste pode ajudar a prevenção

Um novo teste de DNA sensível pode prever quanto tempo pacientes com câncer ovariano irão sobreviver, e orientar as decisões de tratamento personalizado, de acordo com uma nova pesquisa.

A tecnologia, chamada QuanTILfy, conta o número de células chamadas linfócitos infiltrantes de tumor (TILs) na biópsia do tumor de um paciente com câncer.

Pacientes com câncer com mais dessas células em seu tumor tendem a ter melhores resultados, têm mostrado estudos anteriores no ovário, colo-retal e de outros cânceres .

O teste QuanTILfy fornece uma maneira padronizada para contar as células imunes no tumor, utilizando uma abordagem digital. O DNA é extraído de uma amostra de tecido, e, em seguida, o DNA do TILs é identificado e quantificado utilizando uma técnica chamada de reação em cadeia da polimerase digital.

"Este é claramente um excelente resultado para a  ciência que define o cenário para o desenvolvimento do teste para quantificar [biomarcadores imunes] em diferentes neoplasias malignas", disse o Dr. Jeffrey Weber, um imunologista e oncologista do Centro de Câncer Moffitt, em Tampa, na Flórida , que não esteve envolvido no estudo.

Ainda assim, o teste ainda não está pronto para uso em clínicas . Em primeiro lugar, é necessária uma validação adicional por outros pesquisadores, disse Weber.

Fonte: CBSNEWS

Postar um comentário

1 Comentários

  1. Oi, Geraldo!!
    A medicina está se especializando em casos sérios como o câncer, mas percebo que muitos médicos não sabem identificar a diferença de tosses. Como existem várias doenças secundárias por causa das complicações da baixa imunidade, quero entender como um paciente poderá se beneficiar dessas novas descobertas, se por outro lado se comprometer por doenças imunológicas, por exemplo.
    Boas festas!!
    Beijus,

    ResponderExcluir

Obrigado por comentar!! Volte Sempre!!