Teste clinico oncologico sem a participação da industria

Os estudos para tratamento do câncer de pulmão nivel III (avançado) estão sendo feitos por pesquisadores do Instituto Nacional do Câncer (INCA). Pela primeira vez, os testes estão sendo realizados sem a coordenação da indústria farmacêutica. 

Participaram do estudo mais oito centros de pesquisa. Os autores consideram o trabalho um marco na avaliação independente de terapias para câncer no País.

Os cientistas queriam descobrir se a administração de dois medicamentos (pemetrexed e carboplatina) poderia aumentar a expectativa de vida de pacientes com uma forma de câncer de pulmão avançado. "Hoje, a maioria das pessoas que chegam nessas condições não recebe terapia, pois o benefício ainda não foi comprovado", diz Carlos Gil, chefe da Pesquisa Clínica e Incorporação Tecnológica do Inca.

O trabalho, divulgado no último congresso da Sociedade Americana de Oncologia Clínica, mostrou que o remédio aumenta a expectativa de vida em três meses. "Agora precisamos ver se ele é custo-efetivo (se é possível incluí-lo no rol de terapias aprovadas para o SUS)", aponta Gil.

Fonte: Estadão

Postar um comentário

0 Comentários