Remedio falso para tratamento de cancer nos Estados Unidos

Pacientes com câncer estão furiosos com uma versão falsificada do medicamento Avastin  que foi parar em clínicas norte-americanas.

Avastin, que é feita pelo Genentech empresa da Califórnia, é utilizado em combinação com quimioterapia para tratar cancros do cólon, cérebro, rins e os pulmões. Mas a falsificação não tem o ingrediente ativo que  alguns pacientes precisam para seu tratamento e assim conseguirem sobreviver.

O FDA foi alertado para a falsificação possível em dezembro de 2011 pelos Agência de Medicamentos e Produtos de Saúde Regulamentar no Reino Unido, de acordo com Lang da Genentech. Em carta de 10 de fevereiro, a agência pediu as 19 clínicas conhecidas por terem comprado através de distribuidores não aprovados para "manter e proteger" os medicamentos não utilizados.Os frascos falsificados com Avastin tem os números dos lotes B86017 e B6011 e B6010, e os rótulos são ligeiramente diferentes.

Medicamentos falsificados ou importados ilegalmente são raros em os EUA, mas não inédito. Em 2008, a heparina (um anti-coagulante) importado da China matou 81 americanos.

Fonte : ABC News

Postar um comentário

2 Comentários

  1. Lamentavel.
    Uma doença tão devastadora que ao inves de ter um componente aliado tem um agente nocivo... é triste. O ser humano é podre.
    Saudações!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Sissy,

      Resumiu muito bem: os homens são podres, verdadeiros "abutres".

      Abraço e obrigado pelo comentário

      Excluir

Obrigado por comentar!! Volte Sempre!!