Conceito de beleza e aspectos culturais




O conceito de beleza tem sido definido de acordo com cada época e cultura. O aspecto e o volume do corpo se tornaram um indicador do quanto atraente somos na sociedade a qual pertencemos.

Enquanto para alguns a obesidade é sinônimo de riqueza e poder, para outros ela é vista como pobreza e descuido pessoal. Existem sociedades nas quais uma pessoa magra pode parecer desnutrida enquanto em outro contexto ela é considerada saudável e atlética.

Mas o que acontece quando não estamos satisfeitos com nossa aparência e queremos conseguir uma imagem ideal de acordo com nossa concepção de beleza? O que acontece quando estar gordo ou estar magro vai além de um padrão de beleza e se torna uma doença? Nossa obsessão por um corpo que consideramos ideal pode nos deixar cara a cara com a morte?

O recente denúnica da utilização de silicone industrial em próteses mamárias, por fabricante frances e holandes, mostra que um desejo de milhões de mulheres, colocou-as em risco em busca da perfeição.

Seios fartos, glutéos, lipoaspiração, dietas "milagrosas", mirabolantes combinações de ingredientes, tudo em prol de um ideal, são transtornos de uma época atual cheias de desafios culturais. Mas será que precisamos disto mesmo?

Ou devemos realmente sucumbir a esta verdadeira "epidemia" que assola sociedades industrializadas e desenvolvidas acometendo, sobretudo, adolescentes e adultos jovens. A tal "epidemia de culto ao corpo" nos fará volta aos tempos gregos em busca de uma eugenia?

Lembrem-se que já falei aqui sobre os perigos da eugenia, basta ler este artigo A eugenia e triste lembrança do holocausto 

Postar um comentário

2 Comentários

  1. Nesses ultimos meses confesso não estar satisfeita com minha aparencia, ou seja, peso. Depois de ter a dengue, sei lá, engordei, e não consigo me ver assim. Eu tenho metas e quero conseguir. Eu sinto-me saudavel quando mais magra. Não importa quais sao os padroes do momento, eu sigo os meus, aqueles que me fazem sentir bem e em equilibrio.

    Não quero nada mirabolante, mas assim que puder, vou voltar a fazer exercicios fisicos.
    Importantissimos.

    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Sissy,

      Creio que os padrões são impostos, visando, principalmente, interesse comerciais, e creio que tem que ser exatamente autêntico, com seus próprios padrões...

      Abraço e obrigado pelo comentário

      Excluir

Obrigado por comentar!! Volte Sempre!!