A infâmia e o desrespeito com a educação

Castro Alves
"Existe um povo que a bandeira empresta
Pr'a cobrir tanta infâmia e cobardia!...
E deixa-a transformar-se nessa festa
Em manto impuro de bacante fria!..." -
O Navio Negreiro

Para não ser repetitivo, resolvi abrir o artigo uma poesia de Castro Alves, já que a tragédia é a mesma : Descaso na Educação. Assunto já tratado aqui no blog, confira:



 As reportagens que relatam o descaso com a educação são (quase) diárias, são falta de professores em escolas públicas, agressões contra alunos e prorfessores, falta de infraestrutura mínima para funcionamento. Pode-se dizer que a educação virou "produto valioso" para as escolas privadas e um "patinho feio" para o ensino público.  Sou de um tempo em que a diferença entre a qualidade do ensino da escola pública era mínimo comparado ao das escolas privadas, isto  porque tinha escolas públicas melhores  na época do ensino cientifico. Assisto com tristeza a queda na qualidade de ensino e todos os episódios correlatos nesta situação. 

Ontem uma imensa tristeza assolou-me vendo a reportagem na Globo, no Bom Dia Brasil, confira este trecho:
 
" No interior do Maranhão existe uma gente simples. São pais e mães cheios de vontade de dar aos filhos um destino diferente na vida. Mas, nesse início de ano letivo, não há motivo para se ter esperança por lá. Os sonhos de futuro esbarram em um presente repleto de escolas fechadas, caindo aos pedaços."
 
Estão roubando sonhos antigos (dos pais) e novos (dos filhos), enquanto isto o Brasil ganhou da Irlanda no último amistoso antes da Copa Mundo. Por que deveríamos nos preocupar com a educação, se este ano tem futebol? A seleção é uma das favoritas ao título e "contra o Brasil não há quem possa". Pena que isto não enche o prato de comida e muito menos coloca livros na sala de aula (que muitas vezes nem existe ou está em situação precária).
 
Acho que eu deveria me importar pouco com isto, afinal este ano poderemos ser HEXA. Estou me queixando a toa, Castro Alves deveria estar errado "Para cobrir a infâmia e covardia" não temos a bandeira, temos a Copa do Mundo!!!

Postar um comentário

0 Comentários