Seriados Inesqueciveis - Bonanza

 
Os Cartwright

Ben, Adam, Hoss e Little Joe
Foto retirada do site Bricabrac

 
   Quem como eu curtiu os anos 70 e principalmente a fase áurea dos Spaghetti Western, vai curtir o seriado de hoje.  Nem o mais otimista dos produtores envolvidos na concepção de Bonanza, máxime seu criador, o produtor executivo David Dortort, poderia imaginar que a quase marca de 1 bilhão de telespectadores iria algum dia ser atingida no mundo todo. Muito menos, poderia vislumbrar que a série se tornaria o tremendo sucesso que é até os dias atuais.
 
Bonanza mantém até hoje a posição de segunda maior série de tevê no gênero faroeste, em termos de longevidade, com 431 episódios distribuídos em 14 temporadas, perdendo apenas para Gunsmoke (A Lei do Revólver, exibida recentemente pelo canal Retro), em que foram produzidos 635 episódios, distribuídos em 20 temporadas. 

A decência, o sentimento de honra acima de tudo, o compromisso, a bravura, o respeito pelo patriarca e pelo ser humano, a coragem do clã Cartwright, a preocupação com o próximo, o fato de ser a primeira série de faroeste inteiramente produzida em cores, a inesquecível música de abertura, o cenário colorido e as locações do belíssimo Rancho Ponderosa (uma propriedade rural de mais de mil milhas quadradas). Enfim, foram alguns dos inúmeros ingredientes que mais contribuíram para o grandioso sucesso da série no mundo todo.

David Dortort, um escritor que se tornou produtor cinematográfico, queria criar um conceito de entretenimento que fizesse oposição à imagem empavonada de machões pintada pela maioria dos espetáculos televisivos dos anos 50. Ele desejava que seus personagens fossem homens fortes; ele os vislumbrava como descendentes diretos dos Cavaleiros da Távola Redonda, adaptados à cena do Velho Oeste - homens com forte formação moral, que combateriam o mal e trariam a justiça para uma terra indômita.

     David Dortort criou Ben Cartwright como o forte patriarca, um pai que moldaria seus três filhos independente da educação da terra e do ambiente hostil. Para tanto Dortort emprestou a cada um dos filhos características únicas e diferenciadas. Adam, era o intelectual, filho mais velho, era dado a usar mais o cérebro do que a força. Hoss era o "Gigante Gentil", um homem dotado de força descomunal e com um coração de ouro. Little Joe era o filho mais novo, irresponsável, impulsivo e o coração mais romântico de todos.

 


Para justificar estas diferenças nas personalidades dos três filhos, Dortort, deu a cada um deles uma mãe diferente, fazendo com que Ben Cartwright tivesse sido casado 3 vezes. Assim como na mitologia de Camelot, os Cartwright receberam do autor, a incumbência de guardiões do Rancho Ponderosa, um império de cabeças de gado, madeira e minérios nas montanhas de Nevada, perto do lago Tahoe. Bonanza foi um dos primeiros seriados de TV com um enderêço fixo, sem as famosas andanças de seus mocinhos por paragens e cidades do Oeste, eles tinham uma terra para defender e faziam dela sua base.

    
Em Bonanza, os Cartwrights se viram de fronte a uma variedade de personagens e situações que na maioria das vezes batiam à sua porta.   Inicialmente a NBC desejava estrelar Bonanza com atores famosos, sentido que precisaria de nomes para atrair audiência. Dortort persuadiu a rede de televisão a desistir desta idéia, com a afiramação de que poderia obter imenso sucesso com atores totalmente desconhecidos; ele convenceu a NBC uma emissora nova àquela época de que forjaria suas própria estrêlas.

Dortort teve na verdade uma acurada percepção dos resultados do seu projeto.

 
Foram escalados Lorne Greene para o papel de Ben Cartwright, que era conhecido antes da série pela sua voz poderosa. Um canadense, ficou conhecido pelo apelido de "A Voz do Canadá", título que recebeu pelas inúmeras produções de rádio em que fez a locução naquele país.  Pernell Roberts encarnou o papel de Adam, Dan Blocker personalizou Hoss e Michael Landon fez Little Joe.  Todos os 4 fizeram anteriormente, inúmeros pequenos papéis na TV Americana, mas nenhum deles era conhecido do grande público; o que mudou rapidamente assim que Bonanza entrou no ar.
    
O primeiro episódio de Bonanza foi levado às telinhas da TV em 12 de setembro de 1959. Bonanza atingiu sucesso imediato. Pelas suas 2 primeiras temporadas, Bonanza estourou nas pesquisas de audiência e foi filmada desde o início em cores. O que lhe garantiu vida longa. A TV em cores era considerada um fenômeno àquela época e a RCA, empresa que gerou a NBC, queria uma série que encorajasse os consumidores a comprarem novos aparelhos de televisão. Os primeiros episódios traziam belissimas tomadas do lago Tahoe e todas as suas cercanias, assim como "sets"de filmagem e indumentárias de colorido forte. Bonanza ficou no ar durante 2 anos nas noites de Sábado até ser transferido para uma lacuna no horário noturno dos Domingos. 

Foi aí que o seriado atingiu sua maior audiência e alcançou o sucesso definitivo. Por 10 dos seus 14 anos de vida, o seriado ficou entre os 10 mais assistidos da TV americana, e, entre 1964 e 1967 foi o seriado de maior audiência na América.

 
     Depois da primeira temporada, Lorne Greene convenceu os produtores a suavizarem seu personagem para a figura de um pai compreensivo e as vezes bondoso, ao invés de um forte e disciplinador patriarca. Roberts, Blocker e Landon tiveram seus personagens tornados mais humanos e racionais, dando-lhes mais profundidade e complexidade.

 
     Mais cuidado foi dispendido com o "script", mudando as histórias simples para enredos mais interessantes. Em muitos casos Bonanza estava à frente do seu tempo. O seriado se valia de temas e controvérsias tais como: problemas raciais, a condição da mulher como esposa e os abusos que sofria, problemas psicológicos, o alcoolismo e os matadores de aluguel. O interesse da audiência era mantido através de contrastes forjados pelos que escreviam os roteiros. Numa semana um episódio podia ser um verdadeiro drama e na outra uma divertida comédia, graças ao elenco que desmpenhava com igual desenvoltura tanto drama quanto comédia; cada um deles tinha a capacidade de criar uma cena cheia de tensão, bem como emprestar ternura a seus personagens ou fazer os telespectadores morrerem de rir com suas desventuras.

 
     Mas Bonanza tinha algumas constantes em seus enredos, por exemplo, toda mulher que tivesse um envolvimento amoroso com um dos Cartwrights, ou morria no final ou tinha que impreterivelmente partir, deixando-os juntamente com o público de corações partidos. Michael Landon fazia piada, dizendo que os Cartwrights deviam tomar cuidado ao cavalgar, evitando que seus cavalos pisoteassem as covas onde tinham sido enterradas todas as inúmeras mulheres que morreram durante os seriados. 




Clique Aqui - Para Ouvir ou Salvar o Tema de Abertura

Som WAV de Alta Qualidade - 295 Kb






Tecnologia do Blogger.